Faculdade Estácio oferece duas novas graduações no Maranhão

Diretor geral da Estácio, Geraldo Siqueira, ao lado do gerente acadêmicos da faculdade, Henrique Monteiro, e do diretor de Serviços Pedagógicos, Luís Cláudio Dallier

Inscrições nos vestibulares para os cursos de Design de Interiores e Serviço Social já estão abertas

Os ofícios são, na prática, mais antigos do que se imagina, mas as regulamentações abriram somente num passado recente oportunidades formais no mercado de trabalho para várias profissões. Dentre elas, destaque para duas que têm estado cada vez mais em evidência: Serviço Social e Design de Interiores.

Há 25 anos, o curso superior de Serviço Social têm formado milhares de profissionais, indispensáveis com o olhar humano nas relações sociais; porém, no Brasil, grande parte desses assistentes sociais se forma nas universidades públicas, onde faltam vagas.

Já os designers de interiores são, comumente, pessoas que têm talento e olhar diferenciado para a organização e a ornamentação de ambientes, quer sejam espaços domésticos ou laborais, e, com isso, melhoram a qualidade de vida de famílias e trabalhadores por todo o país. O problema é a pouca oferta de vagas nessa graduação, ainda mais recente do que Serviço Social.

Nesse cenário, os profissionais de ambas as áreas têm sido cada vez demandados. A sociedade necessita, o mercado de trabalho abre vagas, mas o que se vê é ainda a falta de capacitação e de qualificação profissional. Diante disso, a Faculdade Estácio fez uma pesquisa regional e identificou que o Maranhão tem ainda muito espaço a ser ocupado por assistentes sociais e designers de interiores. Com um investimento permanente em excelência nas graduações, corpo docente reconhecido no mercado local e até nacional, e infraestrutura completa para atuação prática dos acadêmicos, a Estácio acaba de lançar os dois novos cursos superiores da instituição.

Design de Interiores

A crescente urbanização do país aumentou a demanda por profissionais especializados na decoração e funcionalidade dos mais diversos ambientes. Além disso, a aprovação da Lei nº 4.692/2016 pelo Senado, regulamentando o exercício da profissão de designer de interiores, foi fator preponderante para o estabelecimento em definitivo da carreira. De acordo com a Lana Fernandes, estagiária de Design de Interiores, o mercado é promissor. “Eu só estou começando mas já percebo o quanto hoje a profissão é requisitada. Isso anima quem está concluindo o curso”, destacou Lana. 

Serviço Social

Também a área de Serviço Social tem crescido dede a criação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) em 2005. No Brasil, aumentou o número de assistentes sociais em escolas, hospitais, instituições públicas, creches e, especialmente, no terceiro setor. Na semana em que o Código de Ética da profissão completa 25 anos, data celebrada no próximo dia 15 de março, os profissionais comemoram. “Antes o mercado de trabalho era muito difícil, mas agora tem bastante oportunidade porque algumas políticas tem crescido, como a proteção à infância e à juventude”, analisa a estudante Luciana Pereira, que também está iniciando a carreira em Serviço Social.

Graduação

Com as duas novas ofertas, a Faculdade Estácio abre vagas para estudantes e profissionais de outras áreas que tenham aptidão e vocação para ingressar em um dos novos cursos. “Com a abertura dos novos cursos de Design de Interiores e Serviço Social, a Faculdade Estácio oferece aos estudantes a oportunidade de ingressar em carreiras que estão em alta e que atendem efetivamente à demanda por profissionais”, pontua o diretor geral da Faculdade Estácio, Geraldo Siqueira.
As matrículas para ambos os cursos já estão abertas e podem ser realizadas até o dia 27 de março por meio do vestibular agendado ou com a nota do ENEM. Para realizar o vestibular, basta estar de posse de RG, CPF, comprovante de residência e de renda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Deixe seu link para retribui a visita ❤
Instagram: @blogntc @castroriicardo